Sébastein Loeb leva o 208 WRX ao segundo lugar em Portugal

Sébastien Loeb leva o 208 WRX ao segundo lugar em Portugal

Carrocel, Ralicross

Sébastein Loeb leva o 208 WRX ao segundo lugar

em Portugal

A segunda etapa do Campeonato do Mundo FIA de Ralicross, disputada sob o sol e o calor de Montalegre, foi muito especial para Sébastien Loeb: o piloto francês alcançou a primeiro pódio da temporada para o Team Peugeot Hansen, deixando em delírio a multidão de espectadores que encheu por completo as bancadas do circuito no norte de Portugal.

 

  • A ronda portuguesa do Campeonato do Mundo FIA de Ralicross acabou por ser um turbilhão de emoções para o Team Peugeot Hansen. Após sessões de Qualificação marcadas por surpresas e reviravoltas, Sébastien Loeb e Timmy Hansen chegaram, contudo, à final com um desempenho altamente competitivo. Além de rubricar a volta mais rápida na final, Sébastien Loeb efectuou uma condução soberba que o levou a cortar a meta em segundo lugar. Por sua vez, Timmy Hansen completou a performance da equipa com um brilhante quarto lugar. Com o resultado obtido em Montalegre, o Team Peugeot Hansen ocupa agora o terceiro lugar na classificação provisória por Equipas.

 

  • A rapidez de Timmy Hansen foi traída pela lentidão de outros concorrentes, que, durante as fases de qualificação, “bloquearam” por diversas vezes o piloto sueco. Contudo, algumas ultrapassagens espetaculares garantiram-lhe um lugar na final.

 

  • Graças a mais um notável desempenho, Kevin Hansen conseguiu garantir o lugar de primeiro piloto de reserva para a final, ao volante do seu carro com as especificações de 2016.

 

Ecos do paddock

Kenneth Hansen, Director de Equipa

“Merecemos totalmente o pódio deste domingo. Sabemos,  desde o início, que esta temporada será altamente competitiva, mas este fim de semana, mostrámos que somos suficientemente rápidos para estar nos lugares da frente. Foi com enorme satisfação que vimos o Sébastien Loeb terminar em segundo lugar,  bem como o quarto lugar consquistado pelo Timmy, mesmo à beira do pódio. Os nossos ‘spotters’ tiveram de estar particularmente atentos aos ‘timmings’ das nossas ‘joker laps’ porque as posições em pista são definidas logos após a partida e, por vezes, tivémos de ajustar a nossa estratégia em função do desenrolar da partida. Foi o que se passou na final, mas o dia correu-nos mesmo muito bem.”

 

Sébastien Loeb, 2º (Piloto do PEUGEOT 208 WRX #9)

“Foi excelente conquistar o primeiro pódio da temporada. A minha temporada não arrancou da melhor forma na prova inaugural, portanto foi fundamental reequilibrar as coisas. Fomos ganhando ritmo à medida que o fim de semana foi progredindo. Dito isto, tal como em Barcelona, a Qualificação 3 voltou a ser algo frustrante quando dei por mim atrás de um piloto que tinha acabado de fazer um pião mesmo à minha frente. Não fosse isto, eu teria estado na ‘pole’ para a minha sem-final e o desfecho poderia ter sido diferente porque fui muito rápida na final. Mesmo sim, arrecadei 23 pontos, o que é muito positivo. ”

 

Timmy Hansen, 4º (Piloto do PEUGEOT 208 WRX #21)

“Para a equipa, foi um fim de semana bastante sólido, com ambos os carros presentes na final. Infelizmente, a minha rapidez acabou por não compensar porque, nas sessões de qualificação, fui ‘travado’ diversas vezes por outros pilotos. Devido a isso, tiver ser o mais incisivo possível e consegui ultrapassar cinco carros. Para o público, isto terá sido um grande espectáculo, mas não foi mesma nada bom para os tempos por volta. Ainda por cima,  a meio da final, o meu carro perdeu potência. Caso contrário, estou convencido que poderia estar ao lado Sébastien no pódio porque, nesse momento, estava mesmo atrás dele. Estou ansioso por uma prova em que tudo corra bem do princípio ao fim. Espero que isso aconteça em Hockenheim. ”

 

Kevin Hansen , 8º (Piloto do PEUGEOT 208 WRX #71)

“Foi um bom fim de semana e recebi muitas manifestações de motivação. Estou muito satisfeito por ter estado tão perto de me qualificar para a final. Na minha semi-final, mudei de estratégia no último minuto, logo após a partida. Dei o mais o que pude mas foi muito difícil andar ao ritmo do Petter Solberg com um carro de 2016, especialmente porque tive um furo já perto do fim. Era difícil ter feito melhor do que isto.”

 

CLASSIFICAÇÕES – MONTALEGRE (23 abril 2017)

FINAL

  1. Mattias Ekström (Audi S1)
  2. Sébastien Loeb (PEUGEOT 208 RX)
  3. Johan Kristoffersson (Volkswagen Polo GTI)
  4. Timmy Hansen (PEUGEOT 208 WRX)
  5. Reiniss Nitis (Audi S1)
  6. Petter Solberg (Volkswagen Polo GTI)

 

CAMPEONATO DO MUNDO DE RALICROSS 2017

PILOTOS

  1. Mattias Ekstrom (Audi S1), 58 pontos
  2. Johan Kristoffersson (Volkwagen Polo GTI), 44 pontos
  3. Peter Solberg (Volkwagen Polo GTI), 42 pontos
  4. Andreas Bakkerud (Ford Focus RS), 30 pontos
  5. Timo Scheider (Ford Fiesta), 28 pontos
  6. Sébastien Loeb (PEUGEOT 208 GTI), 26 pontos
  7. Reiniss Nitis (Audi S1), 26 pontos
  8. Timmy Hansen (PEUGEOT 208 GTI), 23 pontos*
  9. Kevin Hansen (PEUGEOT 208 GTI), 21 pontos
  10. Toomas Heikkinen (Audi S1), 19 pontos

*Esta pontuação tem em conta a penalização de 10 pontos imposta a Timmy Hansen por um erro de marcação de pneus na terceira sessão de qualificação.

Photo: Paulo Maria / DPPI