Loeb regressa ao WRC em 2018 com a Citroen

Loeb regressa ao WRC em 2018 com a Citroen

Carrocel, Rallis

Loeb regressa ao WRC em 2018 com a Citroen

A Citroen já confirmou o seu programa para 2018 e é oficial que conta com a participação do nove vezes campeão em três das provas do Campeonato Mundial de Ralis. Confirma-se também que Kris Meeke será o piloto número principal da equipa.

Confirmado que está o regresso de Sebastien Loeb ao Mundial de Ralis em 2018, a equipa da Citroen anuncia o seu programa para a temporada 2018, na qual Loeb participará em três provas, México, Córcega e Espanha, ao volante do C3 WRC. Depois de perder a oportunidade de recuperar Sebastien Ogier para as suas fileiras, a empresa francesa cria, assim, grande expectativa ao anunciar o regresso do mito, o piloto com mais vitórias e títulos da história da modalidade.

“Toda a gente ficou muito satisfeita com os resultados deste ano, eu mais do que ninguém, e estas três participações são a consequência lógica”, explicava Loeb. “As sensações do ralis são das mais fortes que experienciei e tenho uma vontade enorme de ir para a estrada com os novos WRC. É fantástico poder fazê-lo no seio da equipa com a qual ganhei tudo. Vou sem pretensões, com o objectivo de me divertir. É lógico disputar o Rally de França, já que o asfalto sempre me agradou particularmente, ainda que não conheça o traçado actual da prova da Córcega, e Espanha também é uma prova que me agrada muito disputar. Para além disso, ainda que creio venha a ser complicado porque há muito tempo que não o faço, queria fazer uma prova em terra. Guardo muito boas recordações do México e o percurso não sofreu grandes alterações desde a época em que o disputei.

Kris Meeke voltará a ser o piloto principal da equipa e o único que correrá as 13 provas do calendário. Craig Breen estará em 10 delas e apenas faltará àquelas em que Loeb vai participar, enquanto que Khalid Al Qassimi pilotará o terceiro carro em algumas provas. Stephane Lefebvre regressa à segunda divisão, o WRC2, com o novo C3 R5.

Apenas falta conhecer o terceiro piloto da M-Sport Ford para completar a grelha do Mundial 2018.