Flavio Briatore condenado a 18 meses de prisão

Flavio Briatore condenado a 18 meses de prisão

Carrocel, Formula 1

Flavio Briatore condenado a 18 meses de prisão

Ex-chefe da Renault e empresário de Fernando Alonso, Flavio Briatore é condenado a 18 meses de prisão por evasão fiscal.

O italiano vê aumentada a sua sentença por, supostamente, “se esquecer” de pagar 4,4 milhões de euros num total do IVA devido pela importação do seu iate particular e também por utilização de combustível sem a devida tributação, para além da emissão de facturas para transacções inexistentes.

A defesa de Briatore alega que o iate é alugado a uma empresa com sede, fora de Itália, nas Ilhas Virgens Britânicas. Ainda assim, o tribunal considerou que sendo Briatore o administrador dessa empresa é, portanto, o verdadeiro proprietário do iate Force Blue.

A acusação pedia quatro anos de prisão, mas a segunda instância condená-lo-ia a 18 meses de prisão. A última esperança reside agora na apresentação de recurso para o Supremo Tribunal.