Dezenas no mar e centenas no areal no adeus à surfista Tânia Oliveira

Dezenas no mar e centenas no areal no adeus à surfista Tânia Oliveira

Carrocel, Surf

Dezenas no mar e centenas no areal no adeus à surfista Tânia Oliveira

Dezenas de surfistas e centenas de outras pessoas prestaram ontem homenagem numa praia de Ponta Delgada à jovem promessa do surf Tânia Oliveira, açoriana que morreu no dia 1 alegadamente intoxicada com monóxido de carbono

Cerca das 11:30, constatou a agência Lusa, eram mais de 50 os surfistas no mar da praia das Melícias, conhecida como praia grande do Pópulo, tendo os desportistas feito um círculo e homenageado a jovem micaelense falecida na noite de ano novo.

No areal e no passeio de ligação à praia eram mais de duas centenas os presentes que quiseram prestar uma última homenagem à jovem açoriana, trazendo flores e, alguns, escrevendo numa das duas pranchas de Tânia Oliveira.

À Lusa, amigos da surfista visivelmente emocionados recordaram o “sorriso” da jovem, elogiaram os seus feitos desportivos, mas destacavam, sobretudo, a “saudade” da amiga.

A Polícia Judiciária revelou um dia após a morte que estava a investigar o sucedido, tendo aberto um inquérito para apurar as causas.

A Federação Portuguesa de Surf definiu Tânia Oliveira, que foi campeã regional e vice-campeã nacional na modalidade, como “uma das mais jovens promissoras surfistas” de Portugal.

Texto: Lusa