Desafio Total Mazda 2017 na Baja 500 Portalegre

Desafio Total Mazda 2017 na Baja 500 Portalegre

Carrocel, TT

Desafio Total Mazda 2017 na Baja 500 Portalegre

Nove Mazda Proto alinham na prova rainha do TT nacional

É já no próximo fim-de-semana que voltam as emoções do TT nacional, com a realização de mais uma edição da Baja 500 Portalegre, com organização a cargo do Automóvel Club de Portugal. Como tem acontecido nos últimos anos, aquela que é considerada a prova rainha do TT em Portugal, com cerca de 500 quilómetros que fazem as delícias – e também as dificuldades ­– de pilotos e público, engloba mais uma etapa do Desafio Total Mazda, que assim, uma vez mais, se associa a este prestigiado e concorrido evento.

Após a realização da Baja TT Idanha-a-Nova, organizada pela Escuderia de Castelo Branco, o Desafio Total Mazda encontra-se numa fase particularmente interessante em termos competitivos, com os dois primeiros classificados, Pedro Dias da Silva (58 pontos) e Bruno Rodrigues (56 pontos) separados por uma pontuação quase mínima. Assim, tendo em conta que, a seguir à Baja TT de Portalegre, apenas existe mais uma prova no calendário, as 24 Horas de Fronteira, a luta pela vitória na competição organizada pela Mazda Motor de Portugal, com o apoio da Total, pode muito bem começar a ganhar contornos mais definidos na capital do Alto Alentejo.

A dupla Pedro Dias da Silva/José Janela está “obrigada” a não cometer erros, pois, partindo do princípio que as coisas correm bem à formação Bruno Rodrigues/Ricardo Claro, estes estarão preparados para aproveitar qualquer deslize, ou um eventual problema, dos comandantes do Desafio.

Nuno Tordo e António Serrão

Com nove equipas prontas para lançar os seus Mazda Proto nos duros caminhos de Portalegre, o Desafio Total Mazda promete ser muito animado e, dessa forma, contribui em larga escala para a emoção competitiva da mais conhecida e internacional prova de todo-o-terreno que se realiza em Portugal. Do lote de inscritos no Desafio, destaca-se Pedro Salgueiro/Luis Ribeiro – terceiros classificados após três provas – Nuno Tordo/António Serrão e Bruno Oliveira/Paulo Marques – empatados pontualmente no quarto posto e ainda Floriano Roxo/Nuno Roxo, curiosamente todos eles com hipóteses matemáticas de chegar ao título.

Sem possibilidades de vencer o Desafio, mas de olhos postos num bom lugar em Portalegre estão o regressado Jorge Cardoso, acompanhado por Anabela Reis, e ainda, Pedro Oliveira/Ricardo Oliveira, e o local Francisco Gil/Filipe Rasteiro.

De referir ainda que será em Portalegre que ficará a saber-se quem vence entre os navegadores – nesta classificação a prova de Fronteira não é elegível – estando a “guerra” aberta entre José Janela e Ricardo Claro, separados por apenas dois pontos…

No que respeita ao programa da prova, o ACP desenhou, como sempre, um traçado variado, exigente e selectivo. Assim, em termos de automóveis, a prova, que continua a ter a sua base operacional nas instalações da NERPOR em Portalegre, arranca “a sério” pelas 08h00 de Sexta-feira (27 de Outubro) com a realização do Prólogo na Herdade das Coutadas. A partida para a 2ª Secção Auto está marcada para as 10h30. A chegada da 2ª Secção está agendada para as 11h45 em Ponte de Sor. Na mesma vila, será dada a partida, pelas 14h45, para a 3ª Secção Auto, que termina junto às instalações da NERPOR (18h20), e dá por encerrado primeiro dia de competição.

No dia seguinte, Sábado (28 de Outubro), a 4ª Secção Auto arranca Alter do Chão 7h55. Esta 4ª Secção termina na NERPOR pelas 10h55. O final da prova (pódio) está agendado para as 17h30, novamente em Portalegre.

 

Desafio Total Mazda (Após 3 provas)

1º Pedro Dias da Silva – 58 pontos

2º Bruno Rodrigues – 56 pontos

3º Pedro Salgueiro – 24 Pontos

4º Nuno Tordo – 18 pontos

4º Bruno Oliveira – 18 pontos

6º Floriano Roxo – 10 pontos

 

Palmarés do Desafio Total/Mazda

Ano     Piloto                       Navegador

2016   Etelvino Carvalho     João Penedo

2015   João Rato               João Ratinho

2014   Carlos Pinto            Miguel Sanchez

2013   Etelvino Carvalho     Nuno Gonçalves

2012   João Rato               José Motaco

2011   João Rato               José Motaco

2010   João Pais                João Rato

2009   João Pais                –

2008   Bruno Oliveira         –