Álvaro Parente leva Mercedes ao 11º lugar na sua estreia na marca

Álvaro Parente leva Mercedes ao 11º lugar na sua estreia na marca

Carrocel, Velocidade

Álvaro Parente leva Mercedes ao 11º lugar na sua estreia na marca

Álvaro Parente qualificou o Mercedes-AMG GT3 número cinquenta e seis da Mercedes AMG Strakka Team no décimo primeiro posto da grelha de partida para as 12 Horas de Bathurst na sua estreia com o carro germânico.

O português chegava à clássica australiana no selectivo circuito de Mount Panorama sem nunca ter rodado com a máquina de Estugarda, o que representava um profundo desafio, devido às características castigadoras do traçado desenhado na montanha adjacente à cidade de Bathurst.

Tendo como companheiros de equipa Maximilian Gotz e Maximilian Buhk, pilotos oficiais da Mercedes-AMG, Álvaro Parente foi indigitado para qualificar o carro número cinquenta e seis, assegurando o décimo primeiro posto da grelha de partida num pelotão extremamente competitivo e em que os vinte e três primeiros da qualificação ficaram separados por menos de um segundo e meio. “Estou a adaptar-me bem ao Mercedes-AMG GT3 é um carro diferente do que estava habituado, exige uma pilotagem distinta, mas é uma máquina muito eficaz. A qualificação, como esperado, foi muito disputada e acabámos no décimo primeiro posto, o que numa corrida como esta, de doze horas, não é um problema. As diferenças são muito pequenas e estamos entre as equipas mais competitivas”, sublinhou o português.

Para a corrida que se inicia ao fim da tarde deste sábado, Álvaro Parente mostra-se optimista e confiante de que poderá conquistar um bom resultado na prova que venceu em 2016. “Penso que formamos uma equipa de pilotos rápida e consistente, temos na Mercedes-AMG Strakka Team uma estrutura sólida e o Mercedes-AMG GT3 é muito eficaz, sobretudo em condições de corrida, portanto, acredito que temos os meios para assegurar uma boa classificação. É uma prova longa, cheia de armadilhas, numa pista que não perdoa erros, mas se evitarmos problemas, creio que terminaremos numa boa posição”, afirmou o piloto do Porto.

A corrida inicia-se hoje às 18h45, Hora de Lisboa.